ProSul graduou recentemente, duas escolas no distrito de Mabalane no extremo norte de Gaza

0

São escolas que foram criadas em 2016 com objectivo de produzir fardos e blocos minerais para suplementação de gado no tempo da estiagem.
O oficial Distrital do projecto ProSul em Mabalane, Januário Licumba, disse que que está é uma das formas de reduzir a perda enorme de gado bovino e valorizar a importância de poupanças nas comunidades.
No total são três grupos compostos por 58 elementos e chefiados por um homem.
Durante os dois anos que este projecto opera, Licumba faz balanço positivo e disse igualmente que ProSul em parceria com o governo local, vai continuar a servir melhor as sociedades.
A chefe da localidade que dirigiu as cerimónias de graduação frisou que os beneficiários dedevem aplicar a experiência transmitida uma vez que este não é o início nem o fim.
Na ocasião a fonte apelou aos membros envolvidos para evitar queimadas descontroladas como forma de conservar capim de modo a produzirem fardos de feno e blocos minerais.
Os beneficiários acreditam que o projecto ProSul está trazer impactos positivos sobretudo na melhoria da criação, daí pediram para expandir estes serviços aos locais que ainda não abrangidos.
Entretanto instam as comunidades que se beneficiam através de ProSul para aderirem ao grupo de poupanças como melhor forma de guardar dinheiro e produção de fardos bem como blocos minerais para minimizar a perda enorme de gado bovino no tempo seco.
O projecto ProSul está virado para carnes vermelhas.

Por Titos Jossias

Partilhar em:

Leave A Reply


*